Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bienvenue Blog

O lugar secreto de escritos, artes, disparates, filosofias vãs, musicalidade de alma e merchan de segunda categoria.

Happy Birthday KAMIJO!

por Laura SaintCroix, em 18.07.15

Olá, olá, olá!!!

Há quanto tempo, rs. Desde abril... Não adianta, eu não consigo muito ser pontual. Se invento algo, não consigo seguir. Só sigo meu livro...

 

Hoje é o dia daquela postagem especial (que já no Japão é o dia certo), 19 de Julho, num dia desses que o meu artista/pessoa favorita nasceu. Eu sou uma escritora que não consegue escrever o porquê do que sente, mas posso tentar fazê-lo... KAMIJO é o artista que mais ouço, é quem escreve e canta coisas que me inspiram, e que me faz gostar de coisas que antes não gostava em absoluto. Sério! Eu odiava magenta, pois bem, Moulin Rouge! Não curtia cinza, mas ele fica ótimo naquele casaco cinza. Odiava óculos escuros, mas para quê? É um apetrecho que combina maravilhosamente bem com aquele rosto. Não gostava de sons eletrônicos, mas as músicas dele têm; eu não gostava de guitarras mais pesadas, mas comecei a ouvi-las porque havia a voz dele acompanhando-as, então eu gosto. Eu não me interessava em outras línguas, mas ele gosta de francês e é japonês... Eu entendo um pouco de japonês hoje em dia, e gosto do som do francês. Eu passei a amar mais a cor azul, a amar mais rosas, a amar mais o mundo...

 

Então que coisa melhor que isso? Que coisa melhor que agradecer a alguém por me tornar uma pessoa melhor? Esforçar-se para se levantar após uma queda, ouvir uma boa trilha sonora em dias de chuva (New Sodmy), ouvir música para sonhar (LAREINE), ouvir música para destruir a Bastilha (solo), ouvir música para viver a eternidade dia a dia (Versailles P Q).

 

Não é como se todas essas palavras explicassem realmente, são meros exemplos de vivência, uma réstia... Sempre acho que fica faltando algo mais ao escrever.

 

Queria escrever tudo isso a ele, mas poxa, 140 carácteres de Twitter é uma negligência com sentimentos, hahaha. E eu ficaria com vergonha. (Desculpa, mundo, tenho sim vergonha, eu escrevo isso, mas se pedissem para falar, eu cairia dura para trás como a Hinata)

 

Obrigado, Deus, por criar aquele seu filho tão bem amado. E obrigado, KAMIJO, por ser KAMIJO, por me fazer gostar de rock e outros ritmos que você coloca ali, como num filme, sem se importar com o gênero. É isso o que é "ser você mesmo", com confiança, que tanto admiro.

 

E agora um fanart, o primeiro que eu consegui com fé ilustrar e pintar como se fosse um watercolor molhado. Eu sou absolutamente apaixonada por watercolor, vocês não têm noção.

 

hpb - Cópia.png

 

 Vive Le Roi!!!!

2 comentários

Comentar post