Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Bienvenue Blog

O lugar secreto de escritos, artes, disparates, filosofias vãs, musicalidade de alma e merchan de segunda categoria.

Moul... Não, o título não vai ser esse de novo

por Laura SaintCroix, em 16.08.14

Ainda por que não é sobre isso, rs. *idiota*
Como vão? ^_^/
Só vou escrivinhar (escrever) alguma coisa.

É um trecho da poesia que vai sair no Livro I, quando for publicado. Bem futuramente.

"Fios longos de negrura; véu
Tez alva, sua brancura
O que ainda faz aqui, suba ao céu!
Antes que para enfermos torne-se a cura"


É uma poesia longa. Três partes de não sei quantas estrofes.
Eu sou ruim de dividir poesia, sabem? Não tenho ideia do que é um Soneto pela quantia de palavras/rimas. Nem sei compor com metas em mente. Mas tenho comigo que uma poesia tem que ter aquele ~tcham~ no final. Hoje em dia, como eu estava a comentar antes no Facebook, eu raramente encontro algo que me tenha dado gosto de ler inteiro. :T

Bom, é isso. A parte foi do "primeiro ato" da poesia. ^_^

Bye bye.